Início » Ortopedia Geral » Pisada com a ponta dos pés nas crianças

Pisada com a ponta dos pés nas crianças

Observar  uma criança aprendendo a andar é incrível ! Diante de seus olhos, as crianças vão de engatinhar  para caminhar  em um curto espaço de tempo. Claro que  elas não executam corretamente os movimentos  o tempo todo e aprender a andar é um processo que leva um pouco de tempo.

A marcha normal envolve uma seqüência específica de eventos. Estes eventos são separados em duas fases: a fase de apoio e fase de balanço. Fase de apoio é a parte do ciclo da marcha quando o pé toca no chão. A fase de apoio começa com o impacto do calcanhar atingindo o chão,  então o pé vai descendo para a frente e depois os dedos tocam o solo e  finalizam o passo . A fase de oscilação é a parte do ciclo da marcha onde o pé não está em contato com o chão. Em crianças que andam nas pontas dos pés ( toe walk , do inglês , toe = dedos do pé  ) , o toque do calcanhar é ignorado  e o apoio inicial acontece diretamente na parte dos dedos dos pés . A Ortopedia estuda estas fases há muito tempo.

Quando aprendem  a andar, muitas crianças andam com a ponta dos pés  . Isto  é   normal durante o desenvolvimento,  mas quando isto deve ser considerado um  problema? Até o segundo ano de vida podemos considerar esta pisada dentro da normalidade . Após o segundo aniversário , devemos investigar algo de anormal . Na verdade, na maioria das  crianças com esta marcha  nenhuma doença subjacente pode ser identificada , ao que damos o nome de causa idiopática . Mas estas crianças devem ser avaliadas para transtornos neurológicos ou de desenvolvimento .Algumas condições que podem causar esta marcha incluem paralisia cerebral , distrofia muscular de Duschenne e autismo . Nestes casos , um tratamento especializado deve ser instituído .

Abaixo coloco um vídeo que encontrei , disponível no Youtube , que ilustra esta situação :

Naquelas com a forma idiopática , os tratamentos mais comuns incluem fisioterapia  ( baseada em  alongamentos )  e  tala noturna . Mais recentemente, alguns ortopedistas têm utilizado  a toxina botulínica , também conhecida como Botox, para relaxar os músculos da panturrilha encurtados .
A cirurgia é usado para alongar o tendão de Aquiles. Existem várias técnicas cirúrgicas utilizadas, mas a maioria envolve alguma variação de tornar o tendão de Aquiles mais longo, para permitir que o calcanhar chegue ao solo antes dos dedos do pé . Muitas vezes,  órteses são utilizadas no pós-operatório .

Fontes:

Oetgen ME e Peden S. ” Toe idiopática Walking “J Am Acad Orthop Surg maio 2012; 20:292-300.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s